Entrada > Notícias > Os vencedores do “TâmegaSousa Jovem Empreendedor”

Os vencedores do “TâmegaSousa Jovem Empreendedor”

Notícia

Os vencedores do Concurso Intermunicipal TâmegaSousa Jovem Empreendedor desenvolvido no âmbito da Rede de Apoio à Atividade Económica do Tâmega e Sousa, onde se insere a ESTG, escola de Tecnologia e Gestão do P.PORTO, foram conhecidos a 14 de junho na Escola Secundária de Castelo de Paiva.


Desenvolvido ao longos dos últimos meses, o TâmegaSousa Jovem Empreendedor trata-se de um concurso, que colocou em prática um programa de sensibilização e apoio ao empreendedorismo jovem, que iniciou em fevereiro e contou com a participação de mais de 1000 alunos de cerca 30 escolas da região. Ao longo dos últimos meses foi feito o acompanhamento necessário para que estes jovens desenvolvessem os seus trabalhos. O objetivo é fomentar uma atitude empreendedora e desenvolver nos jovens as competências pessoais e profissionais fundamentais para a criação de ideias de negócio.

As melhores ideias foram sendo selecionadas por município em concursos locais, e os vencedores foram apurados para a final do Concurso Intermunicipal TâmegaSousa Jovem Empreendedor, onde fizeram a apresentação dos projetos na sessão que decorreu a 14 de junho na Escola Secundária de Castelo de Paiva.

Ouvidas todas as ideias dos 29 projetos por parte do juri, foram entregues os prémios aos vencedores. O juri foi composto por Patrícia Costa, CEO da  Hearts, Dorabela Gamboa Presidente da ESTG, Telmo Pinto 1º Secretário da Comunidade Intermunicipal do Tâmega e Sousa e Paulo Dinis, Diretor Executivo do Conselho Empresarial do Tâmega e Sousa.

 Em primeiro lugar, em ex-aqueo, ficaram dois projetos: BRL – Three in one e Sun2Dry.

BRL – Three in one desenvolvidos pelas estudantes de Felgueiras Sara Correia e Ana Maia, consite num kit de maquilhagem compacto e com a possibilidade de recarregar os produtos.

Sun2Dry, desenvolvido Francisca Santos e Antónia Pinto de Amarante consiste na desidratação solar de frutas e legumes com a construçao de um sistema construídos com materiais reutilizados e apenas com energias renováveis.

Em segundo e terceiro lugar, respetivamente, ficaram os projetos:  Agroturismo e Aquaponia.

Agroturismo, desenvolvido por Leandro Pereira de Resende, consiste na criação de um espaço para alojamento turístico no espaço rural.

Aquaponia, desenvolvido por João Martins do Marco de Canaveses, consiste em facultar informação e apoio aos produtores que adotem a aquaponia, um sistema de produção de alimentos que combina a agricultura tradicional com a hidroponia (cultivo de plantas em água).

O TâmegaSousa Jovem Empreendedor surge no alinhamento de um conjunto de ações de capacitação e de estímulo do empreendedorismo que tem vindo a ser desenvolvido no âmbito da Rede de Apoio à Atividade Económica do Tâmega e Sousa, sendo promovido pela CIM do Tâmega e Sousa e pela empresa municipal Qualidade de Basto – Empresa para o Desenvolvimento do Tecido Económico Local, em parceria com a ESTG, o Conselho Empresarial do Tâmega e Sousa e a Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro. Esta iniciativa é cofinanciada pelo Norte 2020, Portugal 2020 e União Europeia, através do FEDER – Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

Autor

ampn

Partilhar