Entrada > Notícias > Carreiras Internacionais: Estudantes da ESTG desafiados a encontrar o seu lugar no mundo

Carreiras Internacionais: Estudantes da ESTG desafiados a encontrar o seu lugar no mundo

Evento

No passado dia 6 de abril, o Gabinete de Apoio ao Empreendedor (GAE) lançou uma nova iniciativa para a comunidade académica da ESTG - B+ (BE MORE). BE MORE consiste num conjunto de formações que permitam aos Estudantes desenvolver competências transversais e estratégicas, que em complemento da formação académica, podem contribuir para o seu sucesso pessoal, académico e profissional.


A primeira sessão teve como tema ‘Carreiras Internacionais’ e considerou a importância dos Estudantes investirem em experiências internacionais – B+ global.

A sessão contou com a presença do Dr. Jorge Oliveira, do Centro de Informação Europe Direct do Tâmega e Sousa, que divulgou alguns programas de mobilidade como o Erasmus+ e Corpo Europeu de Voluntariado. Ao longo de 30 anos de existência, o programa Erasmus+ já permitiu a mobilidade de mais de 9 milhões de pessoas, entre as quais mais de 400.000 foram Estudantes do ensino superior. Embora esta seja a vertente mais conhecida do Programa Erasmus+ para os Estudantes, o programa possui outras formas de mobilidade, como intercâmbios de jovens, voluntariado europeu, entre outros. Para os jovens que queiram fazer voluntariado no estrangeiro (de 1 a 12 meses), o Corpo Europeu de Solidariedade deverá ser uma opção a considerar. Embora não recebam um salário, os voluntários têm direito às viagens, a alojamento e a ajudas de custo, bem como a um seguro médico durante o período da atividade.

Na sessão também esteve presente o Dr. Vítor Macedo, da Rede EURES, uma rede de cooperação que visa facilitar e promover a mobilidade dos trabalhadores dentro da Europa. Foram divulgados os programas e apoios à mobilidade que a rede EURES disponibiliza, nomeadamente o Your first EURES job (YfEj) e o programa Reactivate, que para além de financiarem despesas de deslocação para comparecer a uma entrevista em outro país, prestam formação em línguas e reconhecimento de qualificações académicas e/ou profissionais.

Por fim a Dr.ª Zélia Dias do Centro de Informação Europeia Jacques Delors informou e prestou esclarecimentos sobre as oportunidades de carreira nas Instituições e organismos da União Europeia. Na sua intervenção informou sobre os procedimentos para estagiar e trabalhar na União Europeia e desafiou os Estudantes para que encontrem o seu lugar no mundo, salientando a importância para Portugal em termos jovens portugueses como responsáveis pela elaboração de políticas (policy makers).

Esta sessão teve como principal objetivo informar os Estudantes sobre as oportunidades que existem e sensibilizá-los para o facto de que experiências como estas podem ser extremamente enriquecedoras para a desenvolvimento de competências, podendo revelar-se um verdadeiro trampolim para o mundo do trabalho.

 

B+ | Prepara o teu Futuro!

Autor

ampn

Partilhar