Entrada > Notícias > Estudantes da ESTG saem vencedores do concurso “TâmegaSousa Empreendedor”

Estudantes da ESTG saem vencedores do concurso “TâmegaSousa Empreendedor”

Notícia

A ideia de negócio de um grupo participante na B.BOX, o programa de aceleração de ideias da ESTG, venceu a categoria 1 – Ideias com Futuro, do Concurso “TâmegaSousa Empreendedor” promovido pela Rede de Apoio à Atividade Económica da região do Tâmega e Sousa.


O grupo formado por Rui Filipe Guilherme, finalista da Licenciatura em Engenharia Informática, Sara Gonçalves e Adriana Sampaio finalistas da Licenciatura em Sistemas de Informação para a Gestão, e Diogo Nogueira da Costa que participou como externo na B.BOX, juntou-se no desenvolvimento da ideia de negócio aquando da sua participação na segunda edição da B-Box, o Programa de pré-aceleração de ideias de Negócio da ESTG, que decorreu em setembro 2018. Em outubro de 2018, o grupo volta a trabalhar em conjunto na submissão do projeto “Resipel” ao concurso do qual saiu vencedor.

O Prémio entregue pelo Presidente da Câmara Municipal de Cinfães, Enf. Armando Mourisco é um valor de 3.000€ (três mil euros) e a participação em campanhas de comunicação a realizar pela rede, como incentivo à continuidade do seu projeto.

À Resipel que venceu dentro da categoria 1 – Ideias com futuro, juntaram-se a Carité Calçados, Lda. e Teatromóvel, na Categoria 2 – Empresa com futuro, e na Categoria 3 – Inovação social com futuro, respetivamente.

Os prémios foram entregues no dia 30 de novembro, durante o Fórum para a Competitividade do Tâmega e Sousa – Território e Dinâmica Empreendedora, que juntou no Auditório Municipal de Cinfães autarcas dos 11 municípios da região do Tâmega e Sousa e vários empresários.

O projeto está em fase embrionária, mas Rui Guilherme porta-voz do grupo no momento de receção do prémio afirmou que «conta com o apoio do Gabinete de Apoio ao Empreendedor para que a sua ideia e seu projeto tenha um futuro!» A sua ideia, a “Resipel consiste na recolha de resíduos da indústria do calçado no concelho de Felgueiras, com o objetivo de lhes dar um novo fim. Procura ainda a criação de um sistema logístico, assente no paradigma da economia circular, que conecte as empresas do calçado às empresas transformadoras, potenciando a reinserção dos resíduos no mercado como nova matéria-prima.

O Concurso “TâmegaSousa Empreendedor – Onde as ideias se concretizam!” é promovido pela Comunidade Intermunicipal do Tâmega e Sousa e pela empresa municipal Qualidade de Basto – Empresa para o Desenvolvimento do Tecido Económico Local, em parceria com a Escola Superior de Tecnologia e Gestão do Politécnico do Porto, o Conselho Empresarial do Tâmega e Sousa e da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro. Esta iniciativa é cofinanciada pelo Norte 2020, Portugal 2020 e União Europeia, através do FEDER – Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

Autor

ampn

Partilhar